LANÇAMENTO: Vitor Ramil – Foi no Mês que Vem

Foto: Satolep Press - Divulgação
Foto: Satolep Press – Divulgação

Na nova turnê de Ney Matogrosso, Atento aos Sinais, duas canções de Vitor Ramil constam no roteiro. Maria Bethânia já gravou. Assim como Gal Costa, Zizi Possi, Katia B, Milton Nascimento…

Com carreira autoral tão sólida  há mais de 30 anos, soa natural uma revisão dessa obra pela ótica do próprio artista. É isso que acontece com Foi No Mês Que Vem, décimo trabalho de estúdio do gaúcho, recém lançado no mercado.

Álbum duplo com 32 canções (33 se levarmos em conta a faixa bônus que estará disponível para audição no site), parcialmente financiada por crowdfunding, o cd  foi gravado com sessões em Buenos Aires, Rio de Janeiro e Dublin, num  período de 16 meses, com o que de mais representativo na vasta obra do compositor.

Cheio de participações especiais – Fito Paez, Jorge Drexler, Ney Matogrosso, Milton Nascimento – as canções (nenhuma inédita) foram recriadas e atualizadas com a colaboração de vários músicos. Dezessete, no total.

Juntamente a  Foi No Mês Que Vem, um songbook com harmonias,  afinações, melodias, tablaturas e letras de mais de 60 composições, ajuda a dar mais visibilidade a um compositor interessante, que como intérprete, é ainda pouco conhecido do grande público.

O lançamento oficial do trabalho será em Porto Alegre, com shows nos dias 12 e 13 de junho, no Teatro São Pedro.

Relatos do processo de composição do trabalho, com vídeos, fotos e textos de Vitor Ramil  podem pra ser encontrado no site oficial. Aqui.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s