Música Mpb Resenhas Show

SHOW: Luiz Melodia e Arnaldo Antunes

Em encontro inédito, os dois compositores mostraram seus sucessos em 4 noites no Sesc Vila Mariana em São Paulo.

Luiz Melodia e Arnaldo Antunes no Palco do Sesc Vila Mariana. 21.7.2013
Luiz Melodia e Arnaldo Antunes no Palco do Sesc Vila Mariana. 21.7.2013

Arquitetado pelo Sesc, o projeto Encontros reúne sempre dois artistas que nunca estiveram juntos no palco. Nesta edição, uma série de quatro shows juntou Luiz Melodia e Arnaldo Antunes. Em sets separados, os dois apresentaram canções marcantes dos seus repertórios e apenas ao final da apresentação dividiram os vocais em três números.

Primeiro a subir ao palco, Arnaldo Antunes, acompanhado de dois violões (nome, aliás, oficial do show) e eventualmente uma guitarra, o paulista privilegiou os hits da sua carreira e agradou em cheio a platéia  que se mostrava mais ansiosa por sua apresentação que a de Luiz Melodia. Da carreira solo,  “A Casa é Sua”, “Debaixo D´agua” e “Invejoso” apareceram em formato acústico sem grandes invenções expondo a faceta pop que Arnaldo explora tão bem. Em “Socorro”, bela parceria com a poetiza Alice Ruiz, a versão com andamento mais lento que o habitual acentuou bonita atmosfera melancólica inexistente na gravação original. Não faltou menção à fase tribalista. Em  “Passa Em Casa”  o cantor mostrou a famosa mise-en-scène maluquinha que é sua marca registrada.  Da fase Titãs, os dois números mais animados – dançando e se jogando ao chão, Arnaldo arrancou aplausos entusiasmados com “Não Vou Me Adaptar”, sucesso do segundo álbum da banda, Televisão (1984) e encerrando sua participação, a mais pesada da noite “O Pulso” (O Blesq Blom, 1989).

Na sequência, Luiz Melodia veio pra mostrar com toda classe malandra, sua mescla de sambas com aura pop. Ladeado por 2 violões e 1 cavaco, de cara atacou a bela “Suave é a Noite”, versão de Nazareno de Brito para “Tender Is The Night”, originalmente o tema do filme homônimo de 1962.  Mantendo o foco nos anos 1960, “Quase Fui Lhe Procurar”, música de Getúlio Cortes gravada por Roberto Carlos no seu álbum Inimitável de 1968, arrancou o primeiro dos aplausos em cena aberta, com o cantor sambando e acenando sedutor para a platéia feminina  que se mostrou bastante receptiva nos gritos de “gostoso”, “quero você no meu tatame” e “delícia”, entoados daí pra frente em quase todos os número do carioca. Do seu antológico álbum de estreia,  “Pérola Negra”, “Magrelinha”, em versão blues, e “Estácio Holly Estácio”, com direito a belo solo de cavaquinho ambientando o clássico num patamar entre o choro e o samba canção elevou o nível musical do show às alturas. Seu set foi encerrado com outro clássico – “Diz Que Fui Por Aí” (Zé Ketti / Hortêncio Rocha), pinçada do repertório do show Opinião, de 1964.

No esperado encontro dos dois cantores, com a plateia na mão,  três ótimos números – “Consumado”, “Congênito” e “Se você Pensa” – que deixaram a impressão que o (bom) show poderia ter sido bem maior em representatividade, caso os artistas tivessem ensaiado um verdadeiro encontro de talentos.

Veja algumas fotos do show. Aqui.

O repertório da noite de encerramento da série de encontros entre os 2 compositores:

Set Arnaldo Antunes

1. Fim do Dia (Arnaldo Antunes / Paulo Miklos)
2. A Casa É Sua (Arnaldo Antunes)
3. Cabimento (Arnaldo Antunes / Paulo Tatit)
4. Dinheiro (Arnaldo Antunes)
5. Invejoso (Arnaldo Antunes / Liminha)
6. Debaixo D´àgua (Arnaldo Antunes )
7. Não Vou Me Adpatar (Arnaldo Antunes)
8. Socorro (Arnaldo Antunes / Alice Ruiz)
9. Passa em Casa (Arnaldo Antunes / Marisa Monte / Carlinhos Brown / Margareth Menezes)
10. O Pulso (Arnaldo Antunes / Tony Bellotto / Marcelo Fromer)

Set  Luiz Melodia

11. Suave é a Noite (versão de Nazareno de Brito para Tender Is The Night)
12. Quase Fui Lhe Procurar (Getúlio Cortes)
13. Magrelinha (Luiz Melodia)
14. Pérola Negra (Luiz Melodia)
15. Cara Cara (Luiz Melodia / Renato Piau)
16. Estácio Holly Estácio (Luiz Melodia)
17. Dama Ideal (Alcebíades Nogueira / Arnaldo Passos)
18. Fadas (Luiz Melodia)
19. Diz que Fui Por Aí (Zé Ketti / Hortêncio Rocha)

Set Luiz Melodia e Arnaldo Antunes

20. Consumado (Arnaldo Antunes / Marisa Monte / Carlinhos Brown)
21. Congênito (Luiz Melodia) com participação de Karla Sabá
22. Se Você Pensa (Roberto Carlos / Erasmo Carlos)

Série Encontros – Luiz Melodia e Arnaldo Antunes – 2 Violões

Quando: 21.7.2013 (encerramento da temporada)
Onde: Sesc Vila Mariana – São Paulo
Review: * * * 1/2

0 comentário em “SHOW: Luiz Melodia e Arnaldo Antunes

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s