Lançamentos Música Mpb Resenhas Show

SHOW: Estreia do show “Pelada” de Daniela Mercury

Carisma da cantora e hits no bis atenuam mas não escondem o fraco repertório do novo show da musa baiana

Daniela Mercury no palco do Sesc Pinheiros. 6.8.2013
Daniela Mercury no palco do Sesc Pinheiros. 6.8.2013

Daniela Mercury ousou ao sair da sua zona de conforto e montou um roteiro exclusivamente com canções autorais e sem apoio de bailarinos na estreia do seu novo espetáculo, “Pelada”, na noite desta terça-feira em São Paulo. Acompanhada por um bom quinteto – Gerson Silva (violões), Bruno Aranha (teclado e sanfona), Orlando Costa (percussão), Gabriel Póvoas (sampler e percussão) e Munir Hossn (baixo) – a cantora partiu da premissa que levando ao palco suas próprias composições poderia se revelar ainda mais para o público. O resultado, porém, foi conflitante.

O roteiro de 15 números, contando com o longo bis, veio amarrando as canções com textos que ilustravam as intenções da artista e o reflexo da sua saída do armário ao assumir o romance com a jornalista Malú Verçosa. Mas aí temos um primeiro problema: com tanta conversa e informação o ritmo da apresentação fica muito prejudicado e o foco na música se desvia perigosamente, mesmo levando em conta que quando improvisa, valendo-se de algum humor, Daniela se sai bem. O mesmo não se pode dizer dos textos decorados ou lidos no monitor. Nesses momentos a cantora parece presa em cena, sem o traquejo necessário para interpretação. Não é exagero dizer que a artista fala mais do que canta na primeira parte de “Pelada”. 

Aberto com duas músicas extraídas do álbum Sou de Qualquer Lugar, de 2001, “Ata-me” e “Nina”, este início promissor apresenta uma Daniela em contornos sedutores, com a banda acentuando interessante atmosfera jazzy nos arranjos. Mas aí vêm os textos e o show fica em suspensão. Nessa pegada um tanto morna, canções de feitura não tão rigorosa como “Sem Querer” e “Tem Amor”, menores na obra da baiana, pouco acrescentam para elevar o nível musical do show, ainda que as intervenções eletrônicas comandadas pelos samplers do filho de Daniela, Gabriel Póvoas, criem uma certa novidade e leveza no contexto do espetáculo.

Daniela Mercury na estreia do seu novo show "Pelada". 6.8.2013
Daniela Mercury na estreia do seu novo show “Pelada”. 6.8.2013

O show só cresce em intensidade a partir da sétima canção – “Aeromoça”, parceria de Daniela com o produtor Liminha, surge encorpada pela ótima levada com ares flamencos, onde o violão de Gerson Silva, também diretor musical de “Pelada”, brilha num dos melhores momentos da noite. O samba reggae, que é a grande marca na carreira de Daniela Mercury e pelo qual ela é reconhecida ao trazer para o mainstream nacional os cantos das ruas da Bahia, aparece lá pelo final com “Sol da Liberdade”, sucesso de 2000 do álbum homônimo, “Dara” e a eletrizante “Oyá Por Nós” (Daniela Mercury / Margareth Menezes / Alfredo Moura) que encerra bem o show.

Essa trinca de canções e a inevitável volta para o bis ajudam “Pelada”  ser considerado um verdadeiro show de Daniela Mercury. Ao entoar em sequência “Trio em Transe”, “Música de Rua” e “O Canto da Cidade” a ordem e origem da obra da musa baiana se faz prevalecer e atenua a sensação de que a Daniela Mercury compositora ainda está aquém da Danila cantora e líder de um estilo do qual é a maior representante em perspectiva de popularidade.

O setlist da noite de estreia nacional do show “Pelada”

1. Ata-me (Daniela Mercury)
2. Nina (Daniela Mercury)
3. Vestido de Chita (Ivan Huol / Daniela Mercury)
4. Castelo Imaginário (Daniela Mercury / Tais Nader / Gabriel Povoas)
5. Sem Querer (Daniela Mercury)
6. Tem amor (Daniela Mercury / Liminha)
7. Aeromoça (Daniela Mercury / Gabriel Povoa)
8.  Cinco Meninos (Daniela Mercury)
9. Sol da Liberdade (Daniela Mercury)
10. Dara (Daniela Mercury)
11. Oyá Por Nós (Daniela Mercury / Margareth Menezes / Alfredo Moura)
Bis
12. Meu Plano (Lenine / Dudú Falcão)
13. Trio Em Transe (Daniela Mercury)
14. Música de Rua (Pierre Onassis / Daniela Mercury)
15. O Canto da Cidade (Tote Gira / Daniela Mercury)

Daniela Mercury – “Pelada”
Quando: 6.8.2013
Onde: Sesc Pinheiros – São Paulo
Review: * * 1/2

1 comentário em “SHOW: Estreia do show “Pelada” de Daniela Mercury

  1. Pingback: “Pelada” – novo show de Daniela Mercury | Música Estática

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s