Lançamentos Música Mpb Pop Resenhas Show

SHOW: Marcelo Jeneci lançando “De Graça”, em São Paulo

Marcelo Jeneci no palco da Choperia Sesc Pompeia. 19.1.2014 (Foto: Alexandre Eça)
Marcelo Jeneci e Laura Lavieri no palco da Choperia Sesc Pompeia. 19.1.2014 (Foto: Alexandre Eça)

Marcelo Jeneci – De Graça
Quando: 19.1.2014
Onde: Choperia do Sesc do Pompeia – São Paulo
Review: star-512star-512star-512star-512star-512

Cambaleante, a música pop brasileira tem dado sinais de esgotamento criativo há tempos – repetitiva, algo chata e afastada do grande público. Marcelo Jeneci é uma grata exceção. Depois de lançar um melhores discos de 2013, o cantor e compositor paulista chegou à cidade para mostrar, em 3 noites com ingressos esgotados, o resultado da sua investida certeira ao universo pop. E o fez com grande propriedade –  “De Graça“, o show, é ótimo.

Tocando 11 das 13 canções do novo álbum e revisitando algumas canções do seu primeiro disco, “Feito Pra Acabar”, Jeneci montou um show que vai, além de tudo, na contramão dos recentes lançamentos dos artistas ditos independentes ou em início de carreira. Aproveitando o patrocínio do projeto Natura Musical, “De Graça” é produção que tem cara de turnê. Não é apenas um show para apresentar o novo trabalho. Ainda que na terceira noite, pelo fato do show ter iniciado com dia claro, a iluminação e as projeções do telão ao fundo do palco não apresentaram o impacto conseguido nos 2 primeiros shows na capital paulista, realizados em horário mais propício a shows desse tipo.

Alento” (Marcelo Jeneci / Isabel Lenza) e “Nada a Ver” (Marcelo Jeneci) abriram o setlist de 18 números e indicaram os caminhos da noite. A boa dosagem entre as camadas dos timbres eletrônicos saídos dos teclados do Jeneci e a alternância de variações rítmicas dentro da mesma canção, vibrantes sem soterrar a delicadeza da melodias, recursos que já se faziam notar no registro de estúdio. Este formato utilizado ao longo do show, até poderia soar repetitivo não fosse a boa costura do roteiro que não deixou brechas para que o pique do show esmaecesse. Terceira da noite,  “A Vida É Bélica“, outra parceria do Jeneci com Isabel Lenza, é tema que explora atmosfera mais roqueira dentro de um espetáculo essencialmente leve e aparece com citação de “Alguém Cantando” (Caetano Veloso), entoada por Laura Lavieri, cantora que divide a cena com o Jeneci e que pela qualidade do seu canto e número de canções que interpreta no show, poderia ter ofuscado a presença do cantor.

jeneci2_alexandredeca

Isso não aconteceu por que Jeneci amadureceu rápido como intérprete. Se no primeiro show da carreira, uma certa inconsistência rondava sua atuação, agora ele se mostra bem mais seguro cantando e consegue desvendar as muitas texturas de inspiração de um repertório criado a partir do término de um relacionamento, driblando armadilhas de cadência hermética ou interiorizada em demasia. Sim, há muito de reflexivo em “De Graça”. Mas todos os caminhos são claros e apontam para esperança. As abordagens de “Dar-ter-ei” (Marcelo Jeneci), a emocionante “O Melhor da Vida” (Marcelo Jeneci / Luiz Tatit), e “Um de Nós“, canção que inicia  acústica e vai num crescente até que os teclados dominem totalmente a cena, são exemplos de que no universo do compositor o final feliz é obrigatório. Boa sacada do roteiro, a inclusão de “Vamos Passear de Bicicleta” (Tim Maia / Cassiano / Hyldon), tema do primeiro disco do soulman Hyldon, não destoou do cerne autoral do show e só contribuiu para a sensação de que “De Graça” é espetáculo de celebração dos pequenos prazeres da vida. Sensação esta reiterada no alegre encerramento do show, já no bis, com a dobradinha “Felicidade” (Marcelo Jeneci / Chico Cesar) e da vibrante faixa-título do trabalho.

A impressão que “De Graça”, o show, é preciosidade no universo pop brasileiro também não passa despercebida.

Algumas fotos do show. Aqui.

O setlist da terceira noite de lançamento do novo álbum do Marcelo Jeneci:

1. Alento  (Marcelo Jeneci / Isabel Lenza)
2. Nada a ver (Marcelo Jeneci)
3. A Vida é Bélica (Marcelo Jeneci / Isabel Lenza)
     Alguém Cantando (Caetano Veloso)
4. Pra sonhar (Marcelo Jeneci)
5. Tudo bem, tanto faz (Marcelo Jeneci / Laura Lavieri / Arnaldo Antunes)
6. Julieta (Marcelo Jeneci / Isabel Lenza)
7. O melhor da vida (Marcelo Jeneci)
8. Um de nós (Marcelo Jeneci)
9. Pra gente se desprender (Marcelo Jeneci / Isabel Lenza)
10. Temporal (Marcelo Jeneci)
11. Dar-te-ei (Marcelo Jeneci/ Helder Lopes/ Veronica Pessoa/ José Miguel Wisnik)
12. Vamos passear de bicicleta? (Tim Maia / Cassiano / Hyldon)
13. Pense duas vezes antes de esquecer (Marcelo Jeneci / Ortinho / Arnaldo Antunes)
14. Sorriso madeira (Marcelo Jeneci)
BIS
15. Feito pra acabar (Marcelo Jeneci)
16. Só Eu Sou Eu (Marcelo Jeneci, Arthur Nestrovski)
17. Felicidade (Marcelo Jeneci / Chico Cesar)
18. De Graça (Marcelo Jeneci / Isabel Lenza)

0 comentário em “SHOW: Marcelo Jeneci lançando “De Graça”, em São Paulo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s