Música Mpb Pop Resenhas Show

SHOW: No saldo da invasão paraense, Felipe Cordeiro sobra entre os mais interessantes

Felipe Cordeiro no palco do Teatro Anchieta (Foto: Alexandre Stazenco)
Felipe Cordeiro no palco do Teatro Anchieta (Foto: Alexandre Eça)

Felipe Cordeiro – Se Apaixone pela loucura do seu amor
Quando: 17.7.2014
Onde: Teatro Anchieta – São Paulo
Review: star-512star-512star-512 1/2

Se Apaixone Pela Loucura do Seu Amor, o disco que Felipe Cordeiro lançou este ano, além de elogiado, mostrou uma inclinação maior para o pop e uma aparada nas arestas de um som tipicamente paraense que ameaçou dominar o sul do país, mas que terminou mostrando fôlego limitado por ter sido superexposto depois do advento de Gaby Amarantos. As novidades, mesmo as mais interessantes, nem sempre resistem à massificação midiática. Terceiro álbum de Felipe (Banquete, 2009, foi o primeiro e Pop Kitsh Cult, de 2012, o segundo), Se Apaixone,  levado aos palcos deixou claro o acerto do trabalho. Abrindo mão da eletrônica, Felipe aposta nas guitarras e percorre caminhos sonoros menos abrangentes, com foco nas suas raízes e influências contemporâneas sem cair na armadilha da diluição conceitual que o exagero inspira.

A trinca de abertura do espetáculo foi mais que uma pista destas trilhas. Tema instrumental lambada-louca-cúmbia-guitarrada com duelo-diálogo entre sua guitarra (pop) e a de Manoel Cordeiro, seu pai (com toda a ascendência paraense), emendada com a ultra pop “Tarja Preta”, sua parceria com Arnaldo Antunes e fechando, sem dar tempo pro cenário esfriar, com “Piranha”, o hit setentista de Alípio Martins funcionou como resumo do que Se Apaixone almeja. São acenos para a jovem guarda em “Alta Voltagem” (Felipe Cordeiro), por vias tortas ao tropicalismo na ótima abordagem de “Marcianita” (José Imperatore / Galvarino Villota Alderete / versão de Fernando César) sucesso de 1960 na voz do cantor Sérgio Murilo, e para o brega em “Saudade de Você” (Felipe / Manoel Cordeiro). Kassin e Carlos Eduardo Miranda produziram Se Apaixone Pela Loucura do Seu Amor e poliram o som do músico paraense. No palco, o resultado atesta que a música de Felipe Cordeiro ganhou brilho. Confirma que, fechando a conta da invasão paraense ao sul do país, Felipe Cordeiro sobra entre os mais interessantes.

Fotos

0 comentário em “SHOW: No saldo da invasão paraense, Felipe Cordeiro sobra entre os mais interessantes

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s