Pouco inspirado, Mais Uma Vez Ana & Jorge é show feito sob medida para agradar aos fãs de Ana Carolina e Seu Jorge

anacarolinaseujorgedivulga

Ana Carolina e Seu Jorge – Mais Uma Vez Ana & Jorge
Quando: 1.4.2016
Onde: Citibank Hall – São Paulo SP
Reviewstar-512star-512

Em 2005, o show que reuniu Ana Carolina e Seu Jorge rendeu um acréscimo de popularidade na carreira dos artistas, principalmente na do Seu Jorge, a reboque de um hit que dominou as paradas naquele ano – É isso aí, versão de Ana Carolina pra bela balada do britânico Damien Rice. Passados dez anos, os cantores e compositores voltaram aos palcos para tentar reeditar, agora em turnê que seguirá pelas principais capitais do país, o sucesso daquele primeiro encontro. Pelo que se viu na estreia, Mais Uma Vez Ana & Jorge está com o jogo ganho. Em um Citibank Hall lotado, Ana Carolina e Seu Jorge não economizaram nos hits. Mesmo com os problemas de som da casa de espetáculos, que em determinados números fizeram as vozes dos cantores soarem inaudíveis, um público complacente pareceu estar de acordo com o longo setlist, que beirou o popularesco.

A coleção de sucessos que os dois artistas apresentaram, agora ambientada em atmosfera eletroacústica com a adesão de Rodrigo Tavares e Mikael Mutti nos teclados e programações, em nada saiu ganhando das versões originais. Há bons momentos, é verdade, principalmente quando a dupla abandona o comodismo e dá voz a músicas fora do seus quintais autorais. A lembrança de Não Diga Nada, sucesso oitentista do cantor Prêntice, a batida soul de Coleção, de Cassiano, a empatia de É Isso Aí ou a bonita versão de Talismã (Michael Sullivan / Paulo Massadas) que deu fama ao cantor Elson do Forrogode em 1999, funcionaram bem. Muito pouco, se levarmos em consideração que no palco estavam dois artistas talentosos, que já apresentaram trabalhos de bom nível artístico e conseguiram seguir populares. Única inédita do roteiro, Mais uma vez (Nós dois) não justificou a pegada popular da gravação de estúdio e pouco empolgou, mesmo sendo bisada ao final do show. Falta de empolgação, aliás, foi um problema recorrente num espetáculo que se propõe basicamente a agradar aos fãs dos artistas. Burocráticos, Ana e Seu Jorge soaram triviais, em um jeitão de apenas estar cumprindo tabela e com uma certa falta de sintonia (fato comum a estreias desse tipo) em boa parte do roteiro.

Depois de duas apresentações na capital paulista, a turnê segue com mais onze shows agendados. Ao final, como de costume, CD e DVD com o registro do show estão programados para serem lançados no segundo semestre.

Setlist da noite de estreia de Mais Uma Vez Ana & Jorge

1. Tanta saudade (Djavan / Chico Buarque)
2. Pole dance (Ana Carolina / Edu Krieger)
3. Mina do condomínio (Seu Jorge / Pretinho da Serrinha / Gabriel Moura / Pierre Aderne)
4. Cantinho (Ana Carolina / Gastão Villeroy)
5. Chatterton (Serge Gainsbourg – versão Seu Jorge)
6. É isso aí (Damien Rice – versão de Ana Carolina)
7. Mais uma vez (Nós dois) (Ana Carolina / Dudu Falcão / Gabriel Moura / Leandro Fab)
8. Quem não quer sou eu (Seu Jorge / Gabriel Moura / Adriano Trindade)
9. Não diga nada (Prêntice / Gilson / Ronaldo Bastos)
10. Coleção (Cassiano / Paulo Zdanozwski)
11. Sábado e domingo (Nenê Brown / Alexandre França)
12. Vox populi (Ana Carolina)
13. Comparsas (Ana Carolina / Seu Jorge)
14. O pequinês e o pitbull (Gabriel Moura / Jovi Joviniano / Aranha)
15. Tiro ao Álvaro (Adoniran Barbosa / Osvaldo Molles)
16. Chiclete com banana (Gordurinha / Almira Castilho)
17. Mal acostumada (Meg Evans / Ray Araújo)
18. Pra rua me levar (Ana Carolina / Antonio Villeroy)
19. Talismã (Michael Sullivan / Paulo Massadas)
20. São  (Seu Jorge)
21. Carolina (Seu Jorge)
22. Sinais de fogo (Ana Carolina / Antonio Villeroy)
23. Amiga da minha mulher (Seu Jorge / Gabriel Moura / Pretinho da Serrinha / Rogê)
24. Rosas (Antonio Villeroy)
25. Jorge da Capadócia (Jorge Ben Jor)
26. Elevador (Ana Carolina)
27. Burguesinha (Seu Jorge / Gabriel Moura / Pretinho da Serrinha)
28. Garganta (Antonio Villeroy)
BIS
29. Mais uma vez (Nós dois)
30. O beat da beata (Ana Carolina / Seu Jorge)

1 comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s